sábado, 13 de dezembro de 2014

Polêmica!!! Fernanda Brum mostra capa do CD “Da Eternidade” e explica uso do símbolo do infinito


A cantora Fernanda Brum apresentou a capa de seu novo álbum, “Da Eternidade”, e publicou uma espécie de estudo sobre a escolha da identidade visual do CD.

Em sua página noFacebook, Fernanda disse que a escolha aconteceu após ela e a equipe de produção orarem a respeito.

No texto, a cantora pede que os fãs leiam “com atenção, carinho e discernimento” o estudo desenvolvido pelo reverendo Silas Palermo.

Confira:
A Lemniscata (este é comumente o nome dado na matemática ao símbolo do infinito) é um símbolo universalmente difundido, todos entendem o seu significado, não há controvérsia.
Um Símbolo apenas representa algo, ele não é o algo em essência (pra quem estudou um pouquinho de semiótica sabe do que estamos falando); por exemplo, uma partitura musical no pentagrama representa uma música, mas não é a música propriamente; ou ainda uma palavra qualquer grafada – maçã – representa (somente para os que entendem a língua inclusive) mas não é a fruta.
Neste sentido acima exposto, a letra hebraica Álefe também é usada para representar o infinito, o eterno; mas será que entenderíamos o significado do signo (i.e. símbolo)?
O mais importante – Pensemos também na Aliança de Deus com Abrão (este ainda era o seu nome) sobre a herança prometida, isto registrado em Gênesis 15. Os animais foram cortados em 2 partes, uma frente a outra (vv 9,10), e Deus, o Eterno, passou com fogo no meio delas (v.17). Era costume na época fazer isso numa aliança entre os envolvidos, onde cada um fazia um movimento passando entre os animais cortados desde os lados de ponta a ponta e geralmente de mãos dadas, como um movimento circular ao redor e no centro das metades como um “oito” simbolizando pacto eterno, sem fim e inquebrável. Porém nesta passagem bíblica Deus passa sozinho, pois somente Ele é capaz de cumprir uma Aliança Eterna.
Aliás, a palavra Aliança no sentido bíblico vem do hebraico “berit” que procede etimologicamente do significado “ligação” – também é usada como o ato de “cortar uma aliança” (hb. barat berit – como usado em Gn 15.18); “fazer uma aliança”, ou seja, criar vínculos, ligar-se eternamente! Toda Aliança em Deus é eterna.
Por fim, “todas as coisas são puras para os puros, mas nada é puro para os contaminados e infiéis; antes o seu entendimento e consciência estão contaminados” (Tt 1.15).

O disco “Da Eternidade” foi gravado ao vivo na Igreja Batista Central da Barra da Tijuca (IBC), com produção musical de Emerson Pinheiro. A distribuição será feita pela gravadora MK Music.

Fonte da Noticia: http://musica.gospelmais.com.br/fernanda-brum-capa-cd-da-eternidade-29908.html

Coisa boa!!! Natália Sarraff, filha de Joelma, abandona banda de forró, se batiza e anuncia carreira gospel

A cantora Natália Sarraff, filha de Joelma Mendes – vocalista da banda Calypso – abandonou o posto em uma banda de forró, se batizou no último final de semana e anunciou que agora irá trabalhar para construir uma carreira na música gospel.

Natália, 24 anos, é filha de Joelma em um relacionamento antes de seu casamento com Chimbinha, e cantava no meio secular há cinco anos, mas resolveu abandonar o forró.

“Penso que servir a Deus é uma responsabilidade tremenda. E sinto um certo medo de não agradá-Lo. Por isso, quero me preparar, saber cada vez mais e assim poder passar para todos o que Deus quer que eu passe. Penso que todos nós temos uma missão na vida, e a minha é essa. Hoje, quando paro pra pensar em uma carreira gospel me dá um nervosismo”, disse a cantora.

A iniciativa de começar uma carreira gospel faz Natália antecipar os passos da mãe. Recentemente Joelma disse que tem planos de cantar apenas músicas gospel num futuro próximo. Questionada pelo jornal Extra sobre a possibilidade de parceria entre as duas, Natália deu a entender que tudo é possível.

“Acredito que para tudo há um tempo certo. E como não só nós duas, mas a família toda pensa em seguir no mesmo caminho, uma hora ou outra a gente se cruza e, quem sabe, servindo a Deus”, afirmou a cantora.


A resposta de Natália mostra uma postura de maturidade: quando era vocalista da banda de forró, ela se queixava de não receber nenhum tipo de incentivo da mãe. Agora, evangélica, não fecha as portas para um eventual encontro nas igrejas e palcos do meio gospel.

Fonte da noticia: http://noticias.gospelmais.com.br/natalia-sarraff-filha-joelma-carreira-gospel-73302.html

É cada uma viu!!! Professora ateia morre, desperta no céu, conversa com Deus e volta à vida para testemunhar

Uma professora ateia que esteve morta por nove minutos afirmou que passou a crer em Deus devido a uma experiência sobrenatural que teve durante os momentos que ficou sem sinais vitais.

Crystal McVea, 36 anos, disse que por conta de uma pancreatite foi levada a um hospital em dezembro de 2009, quando os médicos erraram na dose dos medicamentos para dor e causaram sua morte acidentalmente.

Durante os nove minutos em que ficou sem batimentos cardíacos, Crystal recebeu os tratamentos de reanimação de praxe. Numa entrevista concedida ao New York Daily News, a professora conta que só lembra de ter recebido a medicação e fechar os olhos para dormir.

Enquanto dormia, Crystal diz que acordou em “um lugar de paz” e chegou à conclusão de que tratava-se do céu quando foi recepcionada por dois anjos. Pouco tempo depois, encontrou-se com Deus, porém Ele não tinha forma humana, mas sim, uma presença perceptível e inconfundível.

Na infância de Crystal, ela sofreu um abuso sexual, e quando adolescente, foi submetida a um aborto. Esses episódios levaram a professora – que hoje é mãe de quatro filhos – a crer que o sofrimento pela qual passava se dava pela inexistência de Deus.

No encontro com Deus, Crystal viu uma menina rindo e brincando, e logo soube que aquela era uma imagem de si mesma antes do abuso. Na entrevista ao jornal, Crystal disse que ver novamente quem ela era tirou um peso de seus ombros.

“Só me lembro que me sentia livre de todas as mentiras que eu havia vivido e a mentira de que Deus não me queria”, afirmou.

Fonte da noticia/ http://noticias.gospelmais.com.br/professora-ateia-morre-desperta-ceu-conversa-deus-73296.html

Jogos Vorazes: A Esperança - Parte 1 ultrapassa a marca de 4 milhões de espectadores



Em cartaz há quatro semanas, Jogos Vorazes: A Esperança - Parte 1 ultrapassou a marca de 4 milhões de ingressos vendidos no Brasil. Capitaneado pelo carisma e popularidade da atriz Jennifer Lawrence, o longa-metragem baseado nos livros de Suzanne Collins já arrecadou mais de R$ 47 milhões nas bilheterias do país. No mundo inteiro, a receita do mais recente lançamento da franquia The Hunger Games já ultrapassa a marca de US$ 564 milhões.

O que mais impressiona é que, mesmo tendo estreado já no final do ano, A Esperança - Parte 1 está perto de entrar para o ranking dos 10 filmes com o maior número de espectadores no Brasil em 2014. Para isso, o longa terá de ultrapassar Planeta dos Macacos: O Confronto, que conta com 4,077 milhões de espectadores no Brasil e ocupa atualmente a 10ª colocação na lista.

Até agora, o filme mais assistido no Brasil em 2014 é o drama romântico A Culpa é das Estrelas (6,2 milhões de espectadores), seguido por Malévola (5,8 milhões de espectadores) e Rio 2 (5,2 milhões de espectadores).

Em Jogos Vorazes: A Esperança - Parte 1, Katniss (Lawrence) se torna um relutante símbolo na luta contra o governo opressor da Capital, representado pelo Presidente Snow (Donald Sutherland). Ela é acolhida pelos rebeldes do Distrito 13, resistência liderada pela Presidente Alma Coin (Julianne Moore) e quer fazer de tudo para recuperar o contato com Peeta (Josh Hutcherson), que não vê desde os eventos mostrados em Jogos Vorazes - Em Chamas.

A fonte da noticia/; http://www.adorocinema.com/noticias/filmes/noticia-110783/

terça-feira, 4 de novembro de 2014

Renata Vasconcellos estréia no Jornal Nacional


Renata Vasconcellos estreou como apresentadora titular do "Jornal Nacional", ao lado de William Bonner, nesta segunda-feira (3), com a segurança e desenvoltura de quem tem cerca de 20 anos de jornalismo e ganhou elogios dos telespectadores. Renata acumula também a função de editora-executiva do telejornal – Bonner é o editor-chefe.
Experiente nas bancadas de telejornais da GloboNews e no "Bom Dia Brasil", da TV Globo, Renata apresentou seu primeiro "JN" alternando sorrisos e seriedade, falando pausadamente e sem cometer deslizes. Entre os comentários do público nas redes sociais, repetiram-se elogios como "tem classe", "é bonita" e "fala suave".

Informações do site O Globo.